Voltar ao topo

Trânsito

Campoplastic

Caminhoneiro mourãoense morre atropelado em rodovia de MG

Publicado em 21 de janeiro, 2012 às 20:43

O caminhoneiro de Campo Mourão, Milon Pascoal Cortez, 24 anos, morador no Conjunto Parigot de Souza, filho de Maria de Lourdes e Milton Cortez, foi atropelado por uma carreta desgovernada enquanto ajuda no socorro em acidente entre dois outros caminhões. Outras três pessoas, inclusive um bombeiro, morreram no atropelamento.

O atropelamento aconteceu na manhã deste sábado. A carreta estava carregada de bois na BR- 135 em Montes Claros, Norte de Minas. De acordo com informações iniciais da Polícia Rodoviária Federal por volta de 8h40 deste sábado, duas carretas e um veículo de passeio se envolveram em um acidente no KM 570 da rodovia.

O motorista que dirigia um dos caminhões, Wilson Antônio Joaquim, havia ficado preso entre às ferragens e um militar da brigada de bombeiros de Montes Claros fazia o resgate, quando uma outra carreta carregada de bois não conseguiu parar no congestionamento, e ao tentar desviar perdeu os freios na descida da serra, entrou na contramão e atropelou os curiosos que observavam o primeiro acidente e outras pessoas que esperavam a liberação da pista e haviam descido dos veículos para observarem os trabalhos dos bombeiros.

Quatro pessoas morreram na hora, entre eles o bombeiro que tentava remover a vítima das ferragens, Claudionor Silva Cordeiro, de 32 anos. As outras vítimas foram identificadas como Sandro Roberto de Jesus de 63 anos, Milon Pascoaol Cortez de 24 anos e outro ainda não foi identificado. Outras cinco pessoas ficaram feridas e foram encaminhadas ao Hospital de Montes Claros. No total, 9 veículos se envolveram no acidente.

Segundo os policiais, o caminhão só parou depois que caiu em um barranco. Os animais que estavam no veículo não se feriram.

(Estado de Minas)

Comentários

Sol Lazer Piscinas

Últimas Notícias